O funileiro Elielson de Jesus Mathias, de 38 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no último domingo (07), no Hospital Regional de Guanambi (HRG).

Segundo informações, a vítima realizava manutenção em um caminhão-tanque no município de Riacho de Santana, quando ocorreu uma explosão.

A suspeita inicial é de que Elielson tenha entrado no interior do tanque com algum equipamento ligado. Ele sofreu queimaduras de 2° e 3° grau em 99% do corpo.

O HGR chegou a conseguir uma vaga para a vítima no Hospital Geral de Salvador (HGE) e o transporte seria em uma UTI aérea, mas o estado de saúde de Elielson se agravou e ele não resistiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui