Foto : Reprodução

O paratleta Jacson Silva Santos morreu na tarde deste sábado (17), na BA-573, em Guanambi, depois ser atropelado durante a XXIII edição da tradicional corrida do Suruá. A atividade faz parte das comemorações pelos 100 anos de Guanambi.

Foto : Reprodução

Segundo informou a Polícia Militar, o rapaz de 38 anos, natural de Ipiaú, participava do evento entre os atletas cadeirantes, quando por motivos a serem apurados, ele foi atingido por um veículo Chevrolet Astra.

O motorista identificado como, Jailson Ramos Moreira, de 46 anos, fugiu sem prestar socorro, mas foi encontrado pela polícia e preso.

Foto : Reprodução

Conforme o registro policial, Jailson foi localizado em visível estado de embriaguez. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) foi acionado, mas a vítima morreu no local. “Ele estava muito feliz e tinha acabado de conquistar a cadeira que ele sonhava para competir. É uma perda lastimável”, comentou um dos integrantes da equipe de Ipiaú que participa da competição.

Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica (DPT) realizou inspeções no local e removeu o corpo para o Instituto Médico Legal (IML) de Guanambi.

O carro foi apreendido e o homem encaminhado para a delegacia da Polícia Civil onde permanece detido à disposição da Justiça.

Além de infrações administrativas de trânsito, ele pode responder por homicídio culposo, sem intenção de matar, ou com dolo eventual, quando se assume o risco ao ingerir bebida alcoólica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui