Infecção alimentar é provável causa da morte de parte de um rebanho em Tanhaçu

0
8
Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste
<

O agrônomo Alexsandro Barreto, gerente do escritório regional da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), no município de Brumado, declarou que os indícios apontam para uma possível infecção alimentar como causa da morte de um rebanho com cerca de 120 bezerros, na Fazenda Pica-Pau, comunidade rural do município de Tanhaçu, a 74 km da capital do minério.

O agrônomo disse que, juntamente com o veterinário Clemente Fernandes, realizou a necrópsia dos animais e chegou a conclusão de que a manipulação errada da ração aponta para a causa da morte do rebanho. De acordo com o gerente da Adab brumadense, o proprietário da fazenda preparou a ração balanceada à base de milho e caroço de algodão em grande quantidade, sem acrescentar o volumoso de fibras à base de capim verde e palma, que ajuda na digestão.

Dessa forma, os animais sofreram timpanismo, ficando empacados, o que provocou a morte do rebanho novo. Alexsandro afirmou ainda que foram retiradas amostras dos animais e encaminhadas, com parte da ração, para análise laboratorial. O gerente regional tranquilizou os demais criadores diante das suspeitas de uma infecção generalizada na região, uma vez que foi um caso isolado.

Fonte: Achei Sudoeste

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui