Foto: Reprodução

Só vai dar Bahia na final do Campeonato Baiano. Depois do Bahia da capital garantir vaga na decisão, nesse domingo (31) foi a vez do tricolor do interior se classificar para a decisão do estadual. De virada, o Bahia de Feira venceu o Vitória da Conquista por 2×1, na Arena Cajueiro, em Feira de Santana e confirmou presença nas finais do estadual. Bahia e Bahia de Feira se enfrentarão, a princípio, nos dias 14 e 21 de abril. As datas serão confirmadas pela Federação Baiana de Futebol. O jogo de ida será na Arena Cajueiro e o de volta na Fonte Nova. 

DUELO COM O CONQUISTA 
O jogo na Arena Cajueiro começou morno, com as duas equipes criando pouco. O primeiro lance perigoso só saiu aos 27 minutos do primeiro tempo, quando Patuta cobrou falta de longe e exigiu boa defesa do goleiro Jair. Os donos da casa tinham mais posse de bola, mas foram os visitantes que abriram o placar antes do intervalo. Aos 44 minutos, Tatu fez boa jogada pela direita e cruzou. Livre de marcação, Gustavo Almeida, escorou para a rede e colocou o Vitória da Conquista na frente. 

A reação do Bahia de Feira começou aos seis minutos do segundo tempo. Alex Cazumba cobrou escanteio e Gabriel Bispo, de cabeça, deixou tudo igual. Três minutos depois, o Vitória da Conquista sofreu mais um baque. O zagueiro Val fez falta em Bruninho, levou o segundo cartão amarelo e foi expulso do jogo. 

Com um jogador a mais, o Bahia de Feira buscou a virada e não demorou a alcançar. Aos 21 minutos, Alex Cazumba cobrou escanteio, Jarbas desviou e Deon deu números finais ao placar: 2×1. O lance gerou protesto dos jogadores do Vitória da Conquista, que reclamaram de um toque de mão.

Aos 30 minutos, o Bode ainda perdeu mais um jogador. Assim como Val, Patuta fez falta em Bruninho e levou o segundo amarelo.

Fonte: Correio da Bahia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui