Foto: Reprodução

O ministro da Justiça, Sérgio Moro revelou que pretende viabilizar o retorno da publicidade voltada às crianças e adolescentes através da flexibilização das leis, que foram criadas com o intuito de proteger os pequenos. Na época, foi defendido que devido a pouca idade este público está vulnerável nas relações de consumo. Por conta disso, as emissoras perderam o interesse de seguir produzindo conteúdo para esse público, com exceção do SBT.

“Ouvi uma reclamação que me pareceu correta, na área da TV, de que uma regulação excessiva causava o afastamento da publicidade para esse setor. Como a TV muitas vezes sobrevive através de anúncios e anunciantes, isso gerava dificuldade de se produzir material destinado ao público infantojuvenil”, disse durante seminário A Regulação da Publicidade Infantil: Mídia Tradicional x Plataforma Digital, que aconteceu nesta semana.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui