Foto : Reprodução

Conforme relatório do 17º Batalhão da Polícia Militar (BPM), comandado pelo Tenente Coronel Arthur Mascarenhas, em 2019 até o corrente mês foram registrados 14 homicídios, enquanto que no mesmo período de 2018 o total foi de 20, uma redução de 20% dos Crimes Violentos Letais Intencionais, (especificamente homicídios).

Houve, ainda, a redução dos crimes contra o patrimônio: roubos a postos de combustíveis, farmácias e outros tipos de comércio e os roubos de celulares.

De acordo com informações de Bonny Silva, Arthur Mascarenhas ressaltou que as Operações Força Tática e 2×2 foram decisivas para a redução, bem como o trabalho de inteligência, essencial para uma repressão mais dura e qualificada.

“Só nesse último mês apreendemos 03 pistolas 9mm cujo valor de cada uma gira em torno de 12 mil reais”, disse o Tenente Coronel, o qual destacou o reforço de 40 novos policiais para o 17º BPM no mês de junho, com a formatura dos novos soldados.

Ressaltou ainda o emprego de mais duas motocicletas, um drone e a substituição das viaturas antigas por veículos novos.

Para o coordenador da 22ª Coordenadoria da Polícia Civil (22ª Coorpin), delegado Clécio Magalhães, em parceria com a Polícia Militar, a Polícia Civil tem feito um trabalho investigativo muito forte e encaminhado os inquéritos com muita celeridade, possibilitando uma atuação do Ministério Público e do Judiciário de forma bastante eficaz e produtiva no combate a criminalidade. “Foram transferidos vários presos para Presídio de Vitória da Conquista , inclusive Vagner Alves dos Santos autor de vários estupros na cidade de Guanambi”, reforçou o coordenador.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui