Um adolescente de 12 anos morreu afogado na manhã de quinta-feira, 30 de janeiro, em uma lagoa na fazenda Mocó, zona rural de Matina, no Sudoeste da Bahia.

A vítima, identificada pelas iniciais G.P.S. S estava com amigos quando se afogou. Segundo informações, o garoto foi socorrido, mas não resistiu.

O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Guanambi, onde passou por exame de necropsia. O menino morava no bairro BNH, na cidade de Guanambi.

Levantamento alerta que uma pessoa morre afogada no Brasil a cada 91 minutos, totalizando 16 óbitos por dia e 5.840 anualmente. O número de homens que morreu por afogamento é 6,8 vezes maior do que o de mulheres.

Os dados são de pesquisa da Sobrasa (Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático), divulgada em agosto. No caso de crianças e adolescentes, o afogamento é a segunda maior causa de morte na faixa de um a quatro anos e a terceira entre dez e 14 anos.


Via Folha do Vale

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui