A partir de segunda-feira 08 de junho, as agências dos Correios serão uma opção para quem quer fazer o cadastro para receber o auxílio emergencial do governo, benefício de R$ 600 mensais (R$ 1,2 mil para mães solteiras) pago a trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos e desempregados para amenizar os impactos do isolamento social adotado devido à pandemia do novo coronavírus.

Trata-se da realização de cadastro presencial ao cidadão que queira solicitar o Auxílio Emergencial do Governo Federal para
enfrentamento das ações de combate à pandemia causada pelo novo coronavírus, bem como a Consulta do resultado da análise à concessão
do benefício, após o prazo mínimo fixado.
Para solicitação do serviço, o cliente deve apresentar os documentos
abaixo:

a. Documento oficial de identificação, com foto, em que conste também o nome da mãe do beneficiário;

b. Cadastro de Pessoa Física (CPF) do usuário e dos membros da família que dependem da renda do titular.

c. Dados bancários ou documento de identificação (RG, CNH, Passaporte, CTPS, RNE e CIE) para solicitar abertura de Conta Social Digital.

 Maisnoticias.net.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui