Foto - Policia

Marinaldo atacou a ex-companheira no dia 26 de maio de 2018, na Fazenda Araticum, no distrito de Brejinho das Ametistas, a golpes de faca.

Em julgamento realizado na última terça-feira (24), em Caetité, presidido pelo juiz Pedro Silva e Silvério, Marinaldo Pereira de Souza foi condenado a 28 anos de prisão pelo feminicídio de sua ex-companheira, Talita Castro de Souza.

Consta na denúncia que Marinaldo atacou a ex-companheira no dia 26 de maio de 2018, na Fazenda Araticum, no distrito de Brejinho das Ametistas, a golpes de faca.

Ele vinha ameaçando Talita desde que os dois haviam rompido o relacionamento.

No dia do crime, ele já chegou à fazenda armado com a faca. O crime foi cometido por motivo fútil, em situação de violência doméstica e familiar e sem possibilidade de defesa da vítima.

A pena deverá ser cumprida em regime inicialmente fechado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui