A Polícia Rodoviária Federal (PRF), na tarde de segunda-feira (30), impediu uma jovem de 21 anos de idade de cometer suicídio. A ação ocorreu às margens da BR 110, em Paulo Afonso (BA), na divisa com o estado de Alagoas. Os policiais realizavam patrulhamento de rotina, quando avistaram a jovem caminhando às margens da via, visivelmente desorientada e cabisbaixa. A equipe passou a acompanhar os passos da moça, que seguiu em direção a cabeceira da ponte metálica D. Pedro I. Ao abordá-la a jovem revelou a intenção de cometer o suicídio, relatou que estava bastante deprimida e desanimada pela morte do irmão, que havia ‘tirado’ a vida há alguns meses, na cidade de Delmiro Gouveia (AL). A resgatada trazia consigo um cartão de saúde e disse está sendo atendida por um psicólogo da prefeitura local. Após vários minutos de conversa com a jovem, os policiais conseguiram convencê-la a desistir da ideia de suicídio e a levaram com segurança de volta à residência de seus familiares, que ficaram extremamente gratos com a atitude da equipe de policiais e agradeceram os cuidados dispensados na condução do ocorrido.

Um jovem identificado como Oswaldo foi encontrado morto com tiros na cabeça, no final da tarde desta terça-feira (24), na localidade de Lagoa do Barro, zona rural de Igaporã.
De acordo com informações obtidas pela reportagem da web rádio Igaporã, parceiro do maisnoticias.net.br, o jovem teria sido morto em outro local e o corpo jogado onde foi localizado pela Polícia Militar.


Vizinhos disseram aos policiais que viram quando homens chegaram em um automóvel e jogaram o corpo do jovem. 


Segundo a polícia, o homicídio ocorreu no final da tarde e os assassinos tentaram queimar o cadáver, sem sucesso.


Ainda segundo informações policiais, Oswaldo já se envolveu em atividades ilícitas em Igaporã.

Uma guarnição da Polícia Militar está no local, aguardando a chegada dos agentes da Polícia Técnica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui