Na manhã desta terça-feira (13), no gabinete municipal, aconteceu mais uma reunião envolvendo secretários municipais e assessoria jurídica da Prefeitura de Guanambi, além de técnicos da Embasa – Empresa Baiana de Águas e Saneamento.

 

Em pauta, discussão dos principais pontos de consenso e divergentes entre as partes para uma possível renovação de concessão dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário.

 

Entre as questões fundamentais além da taxa de esgoto, está a extensão de rede de esgotamento sanitário para outros bairros. A Prefeitura executará um grandioso programa de pavimentação em asfalto usinado, mas sem a contrapartida da Embasa na estruturação do saneamento, torna-se inviável a execução deste projeto.

 

Em 24 de junho, o prefeito Nilo Coelho, vice-prefeito Nal Azevedo, secretários municipais e setor jurídico reuniram-se pela primeira vez com representantes da Embasa, entre eles o presidente Rogério Cedraz, além do diretor local e regional. Uma segunda reunião já foi realizada entre os representantes jurídicos das partes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui