Com base na tese de “estupro culposo”, um juiz de Santa Catarina absolveu o empresário André de Camargo Aranha, acusado de estuprar a influenciadora digital Mariana Ferrer em 2018.

A notícia e as imagens do julgamento no qual Mariana é humilhada pelo advogado do empresário foram divulgadas na internet e tiveram forte repercussão. 

O Senado aprovou voto de repúdio ao advogado Cláudio Gastão da Rosa Filho, ao juiz Rudson Marcos e ao promotor de justiça Thiago Carriço de Oliveira.

O jornalista Adriano Faria conversou sobre ao assunto com a presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado, senadora Simone Tebet. Ouça o áudio com a entrevista.​

Senadora Simone Tebet – Presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado, .

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui